quinta-feira, 30 de junho de 2011

Bicho de pelúcia viajante

Veneza, Rio De Janeiro, Berlim, Curitiba, Liubliana... são algumas cidades por onde passou Bučko – um simpático bicho de pelúcia que virou modelo do fotógrafo paranaense Rafael Scudelari. As imagens agora fazem parte da exposição Onde está o Bučko que acontece neste sábado, dia 02, no Espaço Cultural Beto Batata (R. Professor Brandão, 678 – Alto da XV). A mostra que abre às 17 horas, apresenta 28 fotografias de paisagens de várias cidades do mundo onde o bichinho de pelúcia está presente de maneira bem discreta, seguindo a ideia dos livros do Wally.

Rafael Scudelari conta que o bichinho foi um presente da namorada, Nina, quando ele estava estudando no exterior. Bučko é um nome esloveno, que traduzido para o português significa cabeçudo, língua que começou participar do seu cotidiano na mesma época em que ele apareceu em sua vida. Separados por milhares de quilômetros, o brasileiro e a eslovena tiveram o bichinho como um elo de ligação da história de amor.

Berlim
De objeto inanimado ele se tornou com o passar dos meses em souvenir de grande apreço. Sempre que Rafael viaja sem sua namorada Bučko está presente. As primeiras fotos foram descompromissadas, feitas apenas para mandar-lhe como uma lembrança. Depois, veio a ideia de colecionar as fotos em segredo para dar-lhe um livro como presente. E agora, este presente que Rafael deu a Nina, aparece como exposição.


Serviço:
Abertura da exposição Onde está o Bučko do fotógrafo Rafael Scudelari. Sábado, dia 2, às 17 horas, no Espaço Cultural Beto Batata (Rua Professor Brandão, 678). Informações e reservas: (41) 3262-0840. Horário de visitação: diariamente das 11 às 24h. Classificação etária: livre. Entrada 
gratuita.

RB  - Escritório de Comunicação

1 comentários:

Anônimo disse...

Ai que fofo! Tenho fotos com um bichinho de pelúcia também, mas por vários lugares do Brasil. Achei ótimo!

30 de junho de 2011 13:47
 

©2009Fatos em Saltos Free Blogger Templates by BTemplateBox.com™| by TNB